top of page

Ray Shulman, co-fundador da Gentle Giant, morre aos 73 anos

Seu irmão Derek o elogiou como “uma alma tão gentil e atenciosa” que “realmente era um gênio de muitas maneiras”

Ray Shulman (centro) com Derek Shulman (esquerda) e Kerry Minnear (direita). Crédito: Jo Hale via Redferns

Ray Shulman - um multi-instrumentista mais conhecido por seu trabalho na seminal banda de rock progressivo Gentle Giant - morreu aos 73 anos.


Sua morte foi confirmada no sábado (1º de abril) por seu irmão e companheiro de banda no Gentle Giant, Derek, que escreveu em um comunicado no Facebook: “Estou profundamente triste em anunciar que meu irmão mais novo e meu melhor amigo Ray Shulman faleceu em 30 de março em sua casa em Londres.



Segundo Derek, o falecido Shulman “lutou bravamente contra uma longa doença” e morreu com a família ao seu lado. “Pelo menos sei que agora ele está em paz”, escreveu ele, elogiando Ray como “uma alma tão gentil e atenciosa” que “realmente era um gênio de muitas maneiras”.


“[Ray] fará muita falta para a comunidade musical como um todo”, acrescentou Derek. “Mais importante, vou sentir falta dele como meu irmão e verdadeiramente meu melhor amigo. Ele deixa para trás sua esposa Barbara Tanner [e] seu irmão mais velho Philip. Para todos que conheceram Ray ou sabem dele, 'Pensem nele com bondade.'”


Ray nasceu em Portsmouth em 8 de dezembro de 1949. Ele, Derek e o irmão Phil — nascidos em Glasgow antes da família ir para o sul — foram incentivados pelo pai, um músico do exército, a aprender vários instrumentos. Ray e Derek formaram uma banda nos anos 1960, estimulados pelo interesse pelo R&B tradicional. Phil inicialmente serviu como gerente informal e zelador do par mais jovem, mas depois encontrou um papel na banda.



O trio começou se apresentando como The Howling Wolves, depois passou para The Road Runners, até finalmente se apresentar como Simon Dupree And The Big Sound, em 1966. A banda contava com o jovem Elton John no piano — foi dissolvida na virada do século, com os irmãos ficando cansados de sua direção pop.


A partir daí, os Shulmans formaram o Gentle Giant como um projeto de rock progressivo ambiciosamente complexo, com seu modus operandi (conforme as notas do encarte de seu álbum de 1971, 'Acquiring The Taste') sendo “expandir as fronteiras da música popular contemporânea no risco de se tornar muito impopular”. Seu álbum de estreia autointitulado chegou em 1970, com mais 10 na década seguinte (o último foi 'Civilian', de 1980).

90 visualizações0 comentário

ความคิดเห็น


bottom of page