Doze músicas para conhecer, ouvir e apreciar o Punk Rock.

Atualizado: 3 de fev.



Há quarenta cinco anos atrás em 1977, o mundo da música passou por uma grande revolução com a explosão visual, artística, modal e sonora causada pelo movimento Punk Rock na Inglaterra, com uma sonoridade agitada, exaltando rebeldia e liberdade com guitarras distorcidas e letras de protestos contra todo o sistema capitalista. Surgia o movimento embasado pela atitude impactante do "faça você mesmo". Muitos consideram o surgimento do Punk relacionando essa grande explosão inglesa proporcionada pelos Sex Pistols, no entanto, os Ramones já habitavam à terra do Punk Rock em 74, com a voz poética de Joey Ramone (considerado uma das vozes mais bonitas do Punk), cabe menções aqui também ao New York Dolls, MC5, a Patti Smith tida como a madrinha da cena, ao explosivo The Stooges com a voz potente de Iggy Pop que ajudou a caracterizar muito bem a cena cultural. Não posso deixar de mencionar dois incríveis lugares fundamentais para o Punk que é o CBGB um clube de música que ficava na cidade de Nova York nos Estados Unidos, uma espécie de reduto que dava voz ao som forte e agressivo, onde músicos e fãs se reuniam para ouvir boas doses de Punk Rock. O outro ponto importante foi a loja Sex que era uma butique na Inglaterra que confeccionava as roupas do Punk e se tornou um dos pontos culturais para os fãs do movimento.


Após seu auge, o Punk passou por um declínio, porque as rádios começaram a ter um certo receio, queriam algo inovador, além, daquelas músicas rápidas e barulhentas, nascia então à New Wave e o Pós-Punk, e logo as bandas Punk foram se moldando e agregando a outros estilos musicais como o Reggae e o Heavy Metal, acrescentando uma sonoridade mais ainda rebelde, mas menos agressiva e mais sonoro. Exemplos disso podemos citar o Blondie que se aderiu à New Wave e o The Clash que fez o Punk se misturar com Reggae no ótimo "London Calling".


Enquanto isso, no Brasil, o Punk chegou ao país sul- americano apenas em 1978, sendo a banda Restos de Nada a primeira a trazer o Punk para o país. Entretanto, um dos primeiros trabalhos musicais do Punk no Brasil se deu no ano de 1982 com "Grito Suburbano" que é uma compilação que reuniu três das principais bandas paulistas de Punk que são Inocentes, Cólera e Olho Seco. Enquanto o Punk em sua versão internacional, foi apresentado pela ótima coletânea "A Revista Pop Apresenta o Punk Rock" pela gravadora Philips onde esse disco foi responsável por espalhar o gênero musical pelo país fazendo bandas surgirem em lugares como Brasília, Rio de Janeiro, São Paulo, ABC Paulista, Rio Grande do Sul e Bahia.


Em homenagem a esse estilo musical histórico que aprecio muito, listei 12 músicas de acordo com meu gosto pessoal que são importantes para ouvir, conhecer e apreciar melhor essa cena cultural. Sei que vai ficar faltando músicas de artistas como: Ratos de Porão, The Offspring, Bad Religion, Dead Kennedys, Patti Smith, MC5, Black Flag, The Runaways, New York Dolls, Aborto Elétrico e outras. É aquela velha história conhecida sobre as tais listas. Nowplaying.

 

1- "Search and Destroy" da banda The Stooges.


Começando a lista, vamos com um dos pioneiros do Punk que é The Stooges uma banda que teve como integrante o icônico músico Iggy Pop e uma raivosa, mas também, inesquecível música que é importante para o movimento que é "Search and Destroy" com um protopunk que é espetacular.



 

2- “Blitzkrieg Bop” da banda Ramones.


Seguindo a lista, vamos com um clássico protagonizado por uma das maiores bandas de Punk Rock dos Estados Unidos que é o Ramones onde essa música “Blitzkrieg Bop” é simplesmente visceral e impactante.


 

3- "Ever Fallen In Love (With Someone You Shouldn’t’ve?)" da banda Buzzcocks.


Uma das pioneiras bandas de Punk da Inglaterra, a banda líderada pelo músico Pete Shelley apresenta "Ever Fallen In Love (With Someone You Shouldn’t’ve?)" umas música que é uma balada agressiva e ao mesmo contagiante pelo seu ritmo frenético de guitarras.


 

4- "One Way Or Another" da banda Blondie.


Uma das pioneiras bandas de Punk e de New Wave, o Blondie marcou história ao trazer para a fama eterna a bela cantora Debbie Harry e “One Way Or Another” que é um hino sensacional que marcou a história da música.


 


5- “Holidays In The Sun” da banda Sex Pistols.


“Never Mind the Bollocks Here's the Sex Pistols” dos Pistols é considerado um dos melhores discos de rock da história e também do Punk. Nele tem músicas muito boas, entre elas, “Holidays In The Sun” que é um dos clássicos da banda e do gênero musical que é marcado por uma sonoridade alta e catártica.


 

6- “Your Generation” da banda Generation X.


Antes de Billy Idol ser um ilustre e ótimo músico com uma prestigiada carreira solo, ele na Inglaterra na década de 1970, fez parte de uma banda chamada Generation X no qual ele foi vocalista e trouxe para o Punk “Your Generation” uma música que é forte, politizada, excelente e fervorosa.


 

7- “Should I Stay Or Should I Go?" da banda The Clash.


Em 1982, a banda The Clash liderada pelo músico britânico de origem turca Joe Strummer lançou o ótimo disco “Combat Rock” e com ele a música “Should I Stay Or Should I Go?” que é uma das maiores músicas da história do Punk e do Rock com uma sonoridade que é espetacular e única.


 

8- "Basket Case" da banda Green Day.


Na década de 1990, o Punk também estava na ativa com alguns discos muito bons e em um deles está o incrível disco “Dookie” da banda Green Day do excelente músico Billie Joe Armstrong com “Basket Case” que é uma das melhores músicas do seu conjunto o Green Day e do Punk.


 


9- "Até Quando Esperar" da banda Plebe Rude.


No Brasil o Punk ficou bastante concentrado nas cidades de Brasília e São Paulo e é na cidade do Planalto Central que surgiu uma banda que agitou o Punk com músicas impactantes, politizadas e quentes. Essa banda é Plebe Rude e uma de suas músicas mais famosas é a magistral "Até Quando Esperar" que é um dos clássicos do Rock e do Punk no Brasil na década de 1980.


 

10- Tokyo e Nina Hagen – Garota de Berlim.


Nos anos 1980 aconteceu um encontro deslumbrante para o rock e o punk protagonizado pela banda Tokyo que tinha como vocalista o músico Supla com a ícone do punk alemão Nina Hagen causando a emblemática e romântica música “Garota de Berlim”.


 

11- "Pela Paz" da banda Cólera.


A banda que teve como integrante o lendário músico Redson que é uma das figuras mais importantes do Punk Rock brasileiro, lançou na década de 1980 a música “Pela Paz” que é um Punk com ideias pacifistas, com um som que é simplesmente visceral.


 

12-“Pátria Amada” da banda Inocentes.


A banda que tem como integrante o músico Clemente Nascimento que é uma figuras musicais importantes do Punk Rock brasileiro lançou na década de 1980 uma música politizada, anarquista e espetacular com um som que é simplesmente ótimo.


 

Sobre Alexandre Tiago

"Um rapaz latino-americano que é um sonhador, que ama futebol, apaixonado pela arte, formado em Direito, é um defensor da democracia e coleciona desde CDs e livros, até as memórias que a vida oferece."

alexandrec_tiago@terra.com.br

 

106 visualizações1 comentário