top of page

Mundo Livre S/A celebra 40 anos de carreira e 30 anos de Samba Esquema Noise com biografia

A história de Mundo Livre S/A será detalhada na nova biografia escrita pelo jornalista Pedro de Luna

Mundo Livre S/A celebra 40 anos de carreira e 30 anos de Samba Esquema Noise com biografia
Foto: Felipe Martins/Divulgação.


Em 2024, a banda pernambucana Mundo Livre S/A, pioneira do movimento manguebeat ao lado de Chico Science & Nação Zumbi, Eddie e Devotos, comemora 40 anos de carreira. Embora os primeiros shows tenham ocorrido no primeiro semestre de 1984, o líder e vocalista Fred 04 considera a estreia oficial o show realizado em setembro na UFPE.


Formada por Fred 04 e os irmãos Fabio (baixo) e Tony (bateria), a banda também celebra em setembro os 30 anos do lançamento de seu primeiro álbum, "Samba Esquema Noise", lançado em 1994 pela Banguela Records. Este selo, fundado pelos Titãs e distribuído pela Warner, teve a produção de Carlos Eduardo Miranda e Charles Gavin, baterista do Titãs.


Originária de Candeias, Jaboatão dos Guararapes, a Mundo Livre S/A foi crucial na divulgação do som inovador do manguebeat. Junto com Chico Science & Nação Zumbi, a banda estreou em disco em 1994 e realizou uma turnê conjunta em Nova Iorque em 1996. Após a morte de Chico Science em 1997, a parceria continuou em projetos como a Orquestra Manguefônica e o disco "Mundo Livre S/A vs Nação Zumbi".



Ao longo de quatro décadas, Mundo Livre S/A recebeu diversos prêmios, incluindo o Troféu APCA como Melhor Grupo (1998) e Melhor Disco de Música Popular por "Por Pouco" (2000), além do Prêmio da Música Brasileira de Melhor Grupo pelo álbum "Novas Lendas da Etnia Toshi Babaa" (2011).


A banda sempre foi conhecida por suas letras engajadas e polêmicas. Em 1997, tocaram no México em homenagem ao subcomandante Marcos, e em 2000, geraram controvérsia ao estampar o muro entre os Estados Unidos e México na capa de "Por Pouco". Recentemente, lançaram "Walking Dead Folia (Sorria Você Teve Alta!)", criticando a gestão da pandemia e a propagação de fake news no governo Bolsonaro.


A história de Mundo Livre S/A será detalhada na nova biografia escrita pelo jornalista Pedro de Luna, que abordará desde as primeiras experiências dos irmãos Montenegro até os dias de hoje. Luna realizou 75 entrevistas, incluindo ex-integrantes e músicos como Otto, China e Cannibal. O livro será lançado de forma independente pela Ilustre Editora, com uma campanha de financiamento coletivo garantindo que os apoiadores tenham seus nomes nos agradecimentos.



A previsão é que a biografia seja lançada no início de setembro, com o primeiro evento de lançamento planejado para São Paulo. Para engajar os leitores, páginas nas redes sociais estão sendo criadas para compartilhar aperitivos da obra.


Para participar acesse: kickante.combr/L/mundolivresa


Fonte: radiorock



68 visualizações0 comentário

Kommentare


bottom of page