top of page

M83 alterna entre nostalgia e camadas saltitantes no lindo Fantasy, uma viagem climática sedutora

Um disco que merece estar nas melhores listas de fim de ano.

Imagem Reprodução.


M83 apontou no cenário da cultura pop em 2001, como um projeto do multi-instrumentista Anthony Gonzalez. O grupo faz uma mistura atmosférica entre Synth-Pop, Shoegaze e a música ambient. Através desse conceito eles criam seu próprio universo sonoro, embasado por músicas envolventes e exuberantes, os conceitos passam por lembranças, memórias, melancolia e passagens oníricas que ajudaram a difundir a sonoridade do primeiro disco ‘Dead Cities, Red Seas & Lost Ghosts de 2003, ou até mesmo as canções mágicas de ‘Saturdays= Youth' de 2008, dois discos que caracterizam perfeitamente e até mesmo poeticamente o trabalho do grupo.


O tempo passou, e o M83 foi cada vez mais conquistando seu espaço na cultura pop vintage. ‘Junk’ de 2016, trouxe novos ares com aquele gosto contemporâneo. Entre esse período a banda também participou de projetos cinematográficos como Oblivion (2013) e Knife + Heart (2019), e isso ajudou o grupo a sentir o sabor do sucesso de fora da roda alternativa. Com seu mais novo trabalho intitulado ‘Fantasy’ (2023), a banda chega ao seu disco mais pessoal e libertador em termos de sonoridade, Gonzalez consegue capturar todo o amor pela música e sintetizar isso em um trabalho que abraça toda a paisagem da discografia do M83 e o resultado é um disco que consegue acrescentar novos detalhes e resgatar a sonoridade do começo. Inúmeras recordações de infância estão jogadas em fragmentos em boa parte das canções.



A mistura saborosa entre o shoegaze e o Synth-Pop cristaliza um clima espacial e psicodélico, deixando aquela agridoce sensação de uma ambientação apocalíptica, algo meio cinematográfico mesmo. Canções como "Water Deep", que abre o trabalho sendo seguida pela climática e sedutora "Oceans Niagara" reforçam essas paisagens com aquele certo frescor sugado do Krautrock. Uma sequência perfeita, uma faixa acaba dando folego para a outra voar cada vez mais alto, levando o ouvinte junto nessa viagem onírica entre realidade e sonhos. "Amnesia" é marcada por ótimos sintetizadores e vocais espaciais que emulam os momentos mais emocionantes do álbum ‘Saturdays= Youth'.


A nostalgia ganha ainda mais expressividade na canção que pode ser considerada a mais bonita do disco, "Us and the Rest", é aquela faixa que carrega o brilho do por do sol e estimula diversos sentimentos e sensações. Algo nessa canção remonta o triste e árido período pandêmico que vivemos. Lembranças de pessoas queridas que perdemos pelo caminho, e no fim somos nós e o resto.


As canções mencionadas até aqui, formam uma sequência exuberante e sentimental. O clima do disco muda de ares com a faixa "Earth to Sea", que lembra em algumas passagens o My Bloody Valentine e Slowdive com alguns elementos do Ride da fase 'Nowhere'.


Talvez ainda seja muito cedo para pontuar 'Fantasy' como um dos melhores álbuns do ano, mas que esse disco merece seu lugar nas melhores listas de 2023, isso sim. O M83 consegue fundir muito bem o retrô e o moderno de maneira fascinante, a alternância de ritmo e clima é muito equilibrado. Um disco que vai da profunda melancolia para momentos mais alegres e saltitantes, exemplo a contagiante faixa-título ("Fantasy") que carrega uma pitada de Soul Music em sua bagagem e isso se estende para a faixa "Laura" que ganhou solos de saxofones vibrantes. Uma canção que ressalta que está tudo bem em perder o controle de vez enquanto.

Em 'Fantasy' o M83 brinca com os ritmos e elementos, alterna de nostalgia para instantes mais alegres e firma os pés no shoegaze e synth-pop, brindando o ouvinte com belas canções e melodias. "Sunny Boy" é um bom exemplo dessa diversidade de ritmos densos com camadas suaves e climáticas. Na verdade, isso se espalha por todo o trabalho como se oferecesse uma catarse necessária dividida em suavidade e tempos enérgicos, onde se encontra a verdadeira força sonora de Gonzalez. Não é um disco simples, ele exige sua atenção e cobra isso conforme vai avançando, é preciso embarcar e mergulhar na viagem proposta pelo álbum.

 

Fantasy

M83


Lançamento: 17 de março de 2023

Gênero: Shoegaze, Synth-Pop, Pop Ambiente, Indie

Ouça: "Oceans Niagara", "Us and the Rest", "Laura"

Humor: Atmosférico, Sonhador, Radiante


 

NOTA DO CRÍTICO: 8,5

 

Ouça "Us and the Rest":




50 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page