top of page

Sharon Osbourne ataca Bruce Dickinson do Iron Maiden: "ele é um idiota que tem ciúmes de ozzy"

“Bem, não, ele não é um idiota porque um idiota é legal. Ele é um idiota do c@r#lho"

Ozzy e Sharon Osbourne, e Bruce Dickinson do Iron Maiden. CRÉDITO: Getty

 


 

Sharon Osbourne, esposa do lendário Ozzy Osbourne, teceu comentários nada positivos sobre Bruce Dickinson, do Iron Maiden, o chamando de “idiota do caralho” que tem “ciúmes de Ozzy".


O atrito entre eles já vem de longo tempo, assim como pontou o portal Blabbermouth, o vocalista da icônica banda de metal se envolveu em um confronto verbal com Sharon - em 2005, quando sua banda foi atingida com ovos e outros objetos durante uma apresentação na turnê Ozzfest.

 


 

O Iron Maiden continuou com o show, antes de Sharon subir ao palco e supostamente dizer que Dickinson havia “desrespeitado o Ozzfest” enquanto o grupo estava na estrada. Como resultado do incidente, Dickinson e companhia saíram do passeio mais cedo.


De acordo com alguns relatos, Sharon ordenou interferência no sistema de som do Maiden, atrasou a entrada de seu mascote, Eddie, e encorajou o público a jogar garrafas em Dickinson.


Em outros momentos, ela divulgou um comunicado no qual disse que o cantor estava “repreendendo Ozzy e menosprezando o público do Ozzfest” desde o primeiro encontro, enquanto ele “reclamava continuamente do sistema de som”.

 


 

Em uma entrevista para o Consequence, Ozzy foi questionado se ele em algum momento se sentiu subestimado como vocalista em relação a Rob Halford do Judas Priest, o falecido Ronnie James Dio e Dickinson.


“Bruce Dickinson é um grande cantor, mas como pessoa, trabalhei com ele e ele não é muito legal”, respondeu Ozzy, que enalteceu o saudoso Dio como “um grande cantor”.


Embora Osbourne não tenha falado negativamente sobre Dickinson, sua esposa lançou um ataque contundente. “Bruce Dickinson é um idiota do caralho,” Sharon começou. “Bem, não, ele não é um idiota porque um idiota é legal. Ele é um idiota do c@r#lho."


Ela continuou: “Porque a situação é que ele estava em uma turnê chamada Ozzfest. E Ozzy Osbourne estava pagando a ele todas as noites para se apresentar. Ele aceitou o show. Ele sabia o que estava fazendo. Ele aceitou o show. E toda noite ele subia no palco e dizia coisas ruins sobre Ozzy. E a equipe e todos em todas as outras bandas ficavam tipo, 'Você está deixando ele se safar disso?' E eu fiquei tipo, 'Claro que sim', mas o último show foi [fora de] LA E eu pensei: 'Seu filho da p@ta, agora você vai conseguir'.”

Sharon e Ozzy Osbourne. CRÉDITO: Kevin Winter/Getty Images

Em outras notícias, Ozzy revelou que o disco '13' não era exatamente um álbum do Black Sabbath. O ex-vocalista da emblemática banda de metal estava falando sobre seu novo álbum solo 'Patient Number 9' em uma entrevista quando foi questionado sobre o último álbum do grupo, lançado em 2013.


Perguntado pelo Sterogum se ele ainda se sente bem sobre onde '13' levou as coisas, ele respondeu: Na verdade, não, porque, para ser perfeitamente honesto, eu realmente não recebi uma cobrança do álbum. Embora o [produtor] Rick Rubin seja um bom amigo meu, eu não estava realmente… estava apenas cantando.


“Foi como voltar no tempo, mas não foi um período glorioso. Embora Geezer [Butler, baixista do Black Sabbath] tenha escrito muitas letras para mim, no qual ele é muito, muito bom. Não foi uma experiência devastadora para mim.”

56 visualizações0 comentário

Kommentare


bottom of page