top of page

Francis Ford Coppola critica estado atual do cinema e propõe esperança no streaming

"Megalópolis", o mais recente projeto de Coppola, foi autofinanciado e levou décadas para ser produzido

Francis Ford Coppola critica estado atual do cinema e propõe esperança no streaming
Crédito: Getty Images


Francis Ford Coppola, renomado diretor conhecido por clássicos como "O Poderoso Chefão", expressou preocupações sobre a direção que a indústria cinematográfica está tomando atualmente. Durante uma conferência de imprensa no Festival de Cinema de Cannes, após a estreia mundial de seu novo drama distópico "Megalópolis", Coppola destacou que os grandes estúdios de cinema estão priorizando o lucro em detrimento da qualidade.


"Temo que a indústria cinematográfica tenha se tornado mais uma questão de pessoas sendo contratadas para cumprir suas obrigações de dívida porque os estúdios estão muito, muito endividados. E o trabalho não é tanto fazer bons filmes, mas garantir que eles paguem suas dívidas", afirmou Coppola em entrevista à Variety.


O diretor acredita que essa mudança no foco dos estúdios tem prejudicado a produção de filmes de alta qualidade. No entanto, Coppola vê uma luz no fim do túnel com a ascensão dos serviços de streaming. Segundo ele, empresas como Amazon, Apple e Microsoft, que possuem grandes recursos financeiros, têm o potencial de mudar o panorama cinematográfico atual. "Obviamente, novas empresas como Amazon, Apple e Microsoft têm muito dinheiro, então pode ser que os estúdios que conhecemos há tanto tempo, alguns maravilhosos, não estejam mais aqui no futuro."



"Megalópolis" e suas reações mistas


"Megalópolis", o mais recente projeto de Coppola, foi autofinanciado e levou décadas para ser produzido. O filme, estrelado por Adam Driver no papel de Cesar Catilina, um arquiteto-cientista que busca melhorar uma versão fictícia da cidade de Nova York chamada Nova Roma, teve uma estreia com reações mistas no Festival de Cinema de Cannes. Apesar das críticas variadas, a dedicação de Coppola ao projeto e sua visão audaciosa para o futuro do cinema continuam a ser elogiadas.



Perspectivas futuras


Coppola, com sua vasta experiência na indústria, acredita que a inovação e o financiamento robusto das empresas de streaming podem trazer uma nova era para o cinema, afastando-se do modelo tradicional endividado dos estúdios. A esperança é que, com mais liberdade financeira, esses novos players possam focar novamente na criação de filmes de qualidade que enriqueçam a cultura cinematográfica.





39 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page