top of page

Celso Vecchione, guitarrista do Made in Brazil, morre aos 74 anos

Celso Vecchione, juntamente com seu irmão Oswaldo, fundou o Made in Brazil em 1967.

Celso Vecchione, guitarrista do Made in Brazil
Foto: Leandro Almeida


O guitarrista Celso Vecchione, um dos membros fundadores da banda Made in Brazil, faleceu aos 74 anos de idade. A notícia foi anunciada através de uma postagem no Facebook no sábado à noite (21) por seu irmão, Oswaldo Vecchione.


"Meu querido irmãozinho descansou! Meu professor e parceiro, meu herói. Celso Kim Vecchione. Peço orações por sua alma! Muita dor neste momento... Estou indo para São Paulo, totalmente desnorteado", escreveu Oswaldo nas redes sociais, sem revelar a causa do falecimento.



Celso Vecchione, juntamente com seu irmão Oswaldo, fundou o Made in Brazil em 1967. Já em 1969, eles se destacaram no cenário do rock ao adotar maquiagem artística em suas apresentações ao vivo, pintando os rostos e outras partes do corpo.


Com uma sonoridade claramente influenciada pelo blues e pelo rock clássico, a banda alcançou seu apogeu na década de 1970 com o lançamento de álbuns notáveis, incluindo o homônimo de 1974, "Jack, o Estripador" de 1975, e "Pauliceia Desvairada" de 1978. Curiosamente, o álbum "Massacre" de 1977 enfrentou censura por parte da ditadura militar, assim como a turnê de divulgação do disco.


A banda também marcou o início de uma jornada musical que deixaria uma influência duradoura sobre toda uma geração de músicos. Esta influência foi um dos fatores-chave para o crescimento do rock nacional, tornando-o um dos gêneros musicais mais proeminentes na década seguinte.



O Made in Brazil pode ser considerado uma das bandas de rock mais antigas ainda em atividade no Brasil. Em 2019, a banda comemorou seus 52 anos de carreira com uma turnê especial, na qual Celso e Oswaldo desempenharam papéis essenciais.



Apesar de ter passado por mais de 200 formações ao longo de sua longa trajetória, o que lhe rendeu um lugar no Guinness, o livro dos recordes, o Made in Brazil sempre teve a presença constante de Celso e Oswaldo. O grupo continuou em atividade até recentemente, mesmo depois de Celso, o baixista e vocalista, ter enfrentado um AVC.

20 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page