top of page

Roteiristas e estúdios irão se reunir novamente para negociações visando o fim da greve em Hollywood

A greve continua em curso desde maio deste ano.

Imagem Reprodução.


O sindicato dos roteiristas de Hollywood (WGA) e a associação dos estúdios de cinema, AMPTP, planejam reiniciar as conversas para resolver a paralisação. Eles pretendem se reunir novamente na semana que vem.


De acordo com os escritores, a escolha pela greve ocorreu durante as discussões sobre o salário da classe com os principais conglomerados de entretenimento. As reclamações mais relevantes do coletivo incluem o desafio de obter salários ajustados à inflação, a solicitação de séries de TV com temporadas mais breves e, acima de tudo, a não remuneração por lucros residuais.



"No dia 13 de setembro, o WGA entrou em comunicação com a AMPTP e expressou interesse em realizar uma reunião para avançar nas negociações. Concordamos com a proposta e estamos atualmente em processo de agendamento para realizar essa reunião na próxima semana. Todas as empresas que fazem parte da AMPTP estão comprometidas e ansiosas para chegar a um acordo equitativo e estão dispostas a colaborar com a WGA para encerrar a greve", afirmou a aliança de estúdios, conforme relatado pelo Deadline.


A paralisação também aborda uma questão tecnológica, pois os roteiristas solicitam a regulamentação do emprego de Inteligência Artificial em produções. O sindicato exige uma lei que proíba o uso de IA para criar ou modificar qualquer conteúdo, enquanto a AMPTP propõe encontros anuais para debater o progresso da tecnologia e sua aplicação na elaboração de projetos.


Devido à pressão da greve dos roteiristas, em andamento desde maio, é provável que a maioria dos projetos de grandes e pequenas produtoras americanas seja totalmente interrompida até a formalização de novos acordos. A última vez que ambos os sindicatos fizeram greve juntos foi em 1960.



8 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page