top of page

Julian Casablancas chama Elon Musk de “vilão esfomeado”; entenda

"Um super-vilão faminto e um ceo imbecil"

Imagem Reprodução Internet

 


 

Julian Casablancas, do Strokes, teceu críticas para a recente turbulência no Twitter de Elon Musk. Após assumir o comando da rede social, Musk implantou a assinatura paga do Twitter Blue, que permite aos usuários pagar pelo símbolo de verificação azul e resultou em várias contas se passando por figuras públicas.


Em um post já excluído, compartilhado no Instagram, Julian criticou o milionário do Twitter e sua forma de administrar a rede social. O vocalista do Strokes, também alterou sua bio no Instagram para "Fake Twitter Julian", e postou uma foto e uma legenda falsamente atribuída a Ryan Gosling em sua chamada de Elon.

 


 

“PS querido Rober Baron, idiota que faz carros feios e acha que bilionários não pagam impostos… (elon musk)”, escreveu ele em uma legenda que o portal Stereogum capturou antes de o post ser excluído. “Talvez o twitter pudesse dar certo se você não (como um típico ceo idiota e faminto supervilão) demitisse metade de sua equipe. Que grande símbolo para as m@rdas de 2020.”

Elon Musk CRÉDITO: Scott Olson

No mês passado (28 de outubro), Musk concluiu sua aquisição do Twitter Inc, tornando-se o novo proprietário da plataforma e demitindo instantaneamente inúmeros funcionários e executivos da empresa, incluindo o CEO Parag Agrawal, o diretor financeiro Ned Segal e o chefe de assuntos jurídicos e políticas Vijaya Gadde.


Na semana passada, o Twitter demitiu quase metade de seus funcionários em uma tentativa de reduzir drasticamente os custos. Em sua conta no Twitter para defender as demissões, Musk disse ser uma espécie de medida necessária quando a rede está perdendo US$4 milhões por dia.

 


 

Segundo o The New York Times, Musk também alertou os funcionários de que “o quadro econômico à frente é terrível”, acrescentando que a empresa estava com um fluxo de caixa negativo de vários bilhões de dólares. “A falência não está fora de questão”, acrescentou ele.


Com isso, muitas estrelas de cinema e TV anunciaram suas decisões de sair da rede social após a controversa aquisição de Musk, o que levou a um rápido aumento de postagens odiosas na plataforma. O uso da palavra N, por exemplo, aumentou 500% em um período de 12 horas após a aquisição de Musk por US$ 44 bilhões.

 


92 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page