top of page

Joseph Quinn: sobre ato heroico de Stranger Things, o solo incrível do Metallica e o final de Eddie

Atualizado: 19 de set. de 2022

Eddie Munson conquistou definitivamente os corações dos fãs da série (ALERTA DE SPOILERS)

Cortesia da Netflix

Com certeza Eddie Munson (Joeph Quinn), se tornou aquele personagem imortalizado em Stranger Things 4, Quinn foi uma das adições novas para a 4ª temporada da série e trouxe muita magia e carisma no papel do rockeiro fã de Metallica.


A princípio o astro não sabia qual exatamente seria o plano para seu personagem dentro do universo de Stranger Things, série original Netflix- mas ele sabia no fundo do peito que estava animado por fazer parte de um time e programa que ele vinha acompanhando desde a primeira temporada.


“Disseram-me muito pouco no início”, disse Quinn, 29, à Variety. “Os Irmãos Duffer me disseram que eu estaria em pelo menos quatro episódios, mas não fui escolhido para outra temporada, então pensei que talvez se eu fizesse tudo certo, eles poderiam me convidar de volta. Isso não funcionou, claramente! Então eles me mataram, mas tudo bem, eu acho. Vou me limpar!”


Mal sabia ele que o bad boy líder do “Hellfire Club” incansável defensor do heavy metal se tornaria um dos personagens favorito dos fãs. Ele também teve uma performance épica que deixou todo mundo de boca aberta e encantado com o carisma natural. Mal sabia ele que iria brilhar em uma cena memorável onde ele toca o riff de guitarra da faixa "Master Of Puppets", clássico do Metallica de 1986.


Joseph Quinn como Eddie Munson em 'Stranger Things'

No final do último capítulo da 4ª temporada, para chamar a atenção dos demobats, Eddie e Dustin (Gaten Matarazzo) elaboram um plano bem meta – e por um tempo, ele realmente funciona. A cena consiste em Eddie de pé em cima de seu trailer no mundo invertido, arrasando absolutamente na versão instrumental de “Master of Puppets” do Metallica.


"Tive a sorte de ter aprendido guitarra quando era mais jovem, então eu tinha a base. De forma alguma eu era um virtuoso, mas quando chegou a hora de filmar, consegui superar”, diz Quinn. “Tínhamos uma espécie de guitarrista faixa-preta de heavy metal nos guiando pelo solo, porque isso não ia acontecer! Eu não poderia fazer isso, mas poderia fazer o resto, o que é uma sorte. Foi uma experiência incrível."


A supervisora ​​musical Nora Felder confirmou que era Quinn tocando e que o Metallica estava muito feliz com isso. “Joseph teve tempo para aprender o riff de guitarra, e, na verdade, estava tocando uma faixa guia”, diz ela. “Todo mundo achou que ele fez um ótimo trabalho.”


Foi também uma experiência mágica e única para quem estava no set. “Para grande parte da equipe, foi a primeira vez que todos sentimos estarmos em um ambiente de música ao vivo desde o início da pandemia”, diz Quinn. “Foi muito divertido poder fazer isso com Gaten."


Enquanto Quinn é 10 anos mais velho que Matarazzo, não foi difícil formar um vínculo de amizade verdadeira com ele, o que claramente foi para tela de Stranger Things.


"É muito fácil se você realmente gosta da pessoa", diz Quinn. “Ele é um homem adorável e um ator brilhante, e eu realmente valorizo ​​o tempo que passamos juntos nessas cenas, construindo a última – e a última em si. Foi um verdadeiro privilégio.”


Joseph Quinn e Gaten Matarazzo em 'Stranger Things'

A morte de Eddie revoltou muitos fãs pelas redes sociais, pelo fato do herói de Hawkins ter morrido como vilão da história, sem uma homenagem e velório digno. Com certeza vai ficar marcado nos corações do público de Stranger Things.


Entretanto, enquanto a história de Eddie se encerra, sempre fica aquela possibilidade de vê-lo em flashbacks na quinta e última temporada. Quinn brinca: “Aqui está a esperança.”

 



279 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page