top of page

Jamie Foxx pede desculpas após ser acusado de antissemitismo

O ator se retratou com a comunidade judaica e a todos que se sentiram ofendidos com suas palavras.

Getty Images


Jamie Foxx emitiu um pedido de desculpas à comunidade judaica após ser alvo de acusações de expressar comportamento antissemita.


Em uma publicação já apagada em sua conta oficial do Instagram, o ator disse: Eles mataram esse cara chamado Jesus… o que você acha que eles vão fazer com você?”, Acrescentando as hashtags #fakefriends e #fakelove.



O post gerou polêmica e revolta na comunidade judaica, a "A Wider Frame" e "The Times of Israel" detalharam que havia interpretações de que as declarações de Foxx poderiam estar relacionadas ao conceito de 'deicídio judeu', uma teoria antissemita que alega que os judeus foram responsáveis pela morte de Jesus.


Ontem (5), o ator emitiu um pedido de desculpas através de uma postagem no Instagram, onde se retratou com a comunidade judaica e a todos que se sentiram ofendidos com suas palavras.




“Agora sei que minha escolha de palavras ofendeu e sinto muito”, escreveu ele. “Essa nunca foi minha intenção. Para esclarecer, fui traído por um amigo falso e foi isso que quis dizer com “eles” e nada mais. Eu só tenho amor no meu coração por todos. Eu amo e apoio a comunidade judaica. Minhas mais profundas desculpas a qualquer um que tenha se ofendido”.

16 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page