top of page

House of the Dragon retorna com episódio impactante e divisivo

"House of the Dragon" promete continuar com episódios emocionantes, retornando no próximo domingo (23) às 22h (horário de Brasília)

House of the Dragon retorna com episódio impactante e divisivo
Crédito: HBO


"House of the Dragon" retornou no domingo (16) com um episódio de abertura intenso, intitulado "Um filho por um filho". Adaptando um dos momentos mais aguardados do livro "Fogo & Sangue", o episódio retrata o assassinato do príncipe Jaehaerys, gerando opiniões divididas entre os fãs.


Na obra original, Aegon II (Tom Glynn-Carney) e Helaena (Phia Saban) têm três filhos: Jaehaerys, Jaehaera e Maelor. Entretanto, o produtor da série, Ryan Condal, optou por omitir Maelor devido à falta de tempo para introduzi-lo na primeira temporada, deixando apenas os gêmeos na adaptação televisiva.


A ausência de Maelor foi notada, especialmente por seu papel crucial na cena de Sangue e Queijo. No livro, os mercenários, a mando de Daemon Targaryen (Matt Smith), se infiltram no castelo e invadem os aposentos de Alicent Hightower (Olivia Cooke). Ao capturar Helaena e seus filhos, os mercenários forçam a rainha a escolher qual de seus filhos deve morrer. Helaena, após ser atormentada, escolhe Maelor, acreditando que ele seria muito jovem para entender. No entanto, Jaehaerys é quem acaba sendo decapitado.



A decisão de Helaena e o trauma subsequente são elementos centrais que assombram a personagem, afetando profundamente suas interações futuras. A série, embora fiel em muitos aspectos, deixou de fora diálogos cruciais que poderiam ter intensificado a tensão da cena. Phia Saban, apesar do pouco tempo de tela, destacou-se ao transmitir o desespero de Helaena.


"House of the Dragon" promete continuar com episódios emocionantes, retornando no próximo domingo (23) às 22h (horário de Brasília).



57 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page