top of page

Geddy Lee pretende fazer novas gravações ao lado de Alex Lifeson para "ver no que vai dar"

Em uma entrevista ao Long Island Weekly, o baixista, vocalista e tecladista compartilhou seus planos futuros.

Geddy Lee
Imagem: Reprodução.


Após o último concerto do Rush, que ocorreu há oito anos, Geddy Lee e Alex Lifeson expressaram interesse em se reunir. Embora alguns fãs mais fervorosos possam criticar a iniciativa devido à ausência de Neil Peart, que faleceu no início de 2020, objetivamente, não têm outra opção senão expressar sua opinião.


Em uma entrevista ao Long Island Weekly, o baixista, vocalista e tecladista compartilhou seus planos futuros e mencionou a inclusão de seu colega de longa data nas ideias.



"Recentemente, redescobri algumas músicas que ficaram de fora do meu álbum solo, 'My Favorite Headache', lançado em 2000. Foi muito divertido ouvi-las, e decidi que seria interessante revisitar e dar uma nova vida a essas faixas. Essa experiência me fez lembrar o quão prazeroso é trabalhar em estúdio. Então, naturalmente, meu amigo de longa data e companheiro de banda, Alex, e eu estamos considerando a possibilidade de voltar ao estúdio juntos para ver o que podemos criar. Além disso, tenho algumas ideias pessoais que gostaria de explorar.


Assim que concluir todos os compromissos malucos que aceitei – a turnê do livro, o programa de TV e encontrar um tempo para mim mesmo –, certamente planejo começar a tocar novamente. No entanto, não consigo fornecer detalhes agora, já que estou focado na turnê até me cansar. Vou avaliar as opções após tirar umas boas férias com minha esposa. Não sou mais fã de planejar com muita antecedência. Durante mais de 45 anos, estava comprometido com as loucuras da minha parceria no Rush. Agora, sinto a necessidade de priorizar outras áreas da minha vida."


Em uma entrevista recente ao Washington Post, Geddy Lee já havia abordado a perspectiva dessa possibilidade.


"Tocar aquelas músicas novamente com uma terceira pessoa era considerado um tabu, era como ter um elefante na sala. Agora, essa questão meio que se dissipou. É reconfortante saber que, se optarmos por retornar, Alex e eu, seja para explorar algo completamente novo ou simplesmente para tocar como Rush, podemos fazê-lo neste momento."



No mês de dezembro, Geddy Lee estará em uma excursão pela Europa com uma turnê de spoken word, centrada em seu livro de memórias, My Effin' Life. Ao mesmo tempo, a série documental Are Bass Players Humans Too? estreará no Paramount+, apresentando não apenas Geddy Lee, mas também participações especiais de Robert Trujillo (Metallica), Krist Novoselic (Nirvana), Les Claypool (Primus) e Melissa Auf Der Maur (Hole).

22 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page