Fontaines DC conhece a família da falecida Margaret Keane, que inspirou canção da banda



O Fontaines DC conheceu a família da falecida Margaret Keane, cuja a história serviu como fonte inspiradora para banda compor a faixa "In ár gCroithe go deo", que abre o novo disco 'Skinty Fia'.


A irlandesa Margaret Keane faleceu em 2018, mas a banda só conheceu a história e a luta da família em 2020. A irlandesa antes de falecer queria a frase em irlandês In ár gCroithe go deo escrita em sua lápide. Entretanto, um tribunal da igreja da Inglaterra decidiu que o contexto da frase em gaélico poderia ser interpretada como "política" ou "provocativa" se exibida sem uma tradução para o inglês.


A decisão provocou revolta na comunidade irlandesa e isso serviu de fonte inspiradora para o Fontaines escrever a canção que abre o novo disco da banda "In ár gCroíthe go deo" ("Gone is the day/ Gone is the night") em resposta à decisão.


“A história realmente nos contagiou", disse Chatten, vocalista do Fontaines DC, à NME depois de ler sobre Keane. “Achei muito revelador; desfez essa desconfiança cínica na percepção britânica da Irlanda. Foi tipo, 'Ah, mas você nunca confiou em nós, não é?!'”


Em fevereiro de 2021, a decisão foi anulada após três anos de campanha das filhas de Keane. No mesmo dia em que a notícia chegou, a banda deu vida a música. Eles enviaram a canção para a família Keane por e-mail, que começou então a tocá-la para sua mãe em seu túmulo.


“Toda a situação foi muito estimulante para mim. Isso partiu meu coração”, disse Chatten à NME. “Quero dizer que o reconhecimento da música pela família é realmente uma validação, mas não é um prêmio. Tudo o que me importa é que temos a bênção deles para lançar a música, que é a coisa mais importante.”


No sábado (28 de maio), a família de Keane conheceu a banda ao lado do túmulo de sua mãe.


A família twittou: “Profundamente comovente hoje, quando finalmente conhecemos @fontainesdublin, que veio prestar seus respeitos à mamãe em seu local de descanso”.


“Quem teria pensado que uma simples frase irlandesa 'In ár gcroíthe go deo' teria unido tantos e inspirado a primeira faixa de seu novo álbum.”


Você pode ver o momento abaixo:


 




23 visualizações0 comentário