top of page

Depósito da L&PM Editores está inundado em Porto Alegre

Cerca de 900 mil livros, incluindo os títulos de sua renomada coleção de bolso, foram afetados pelas águas no depósito da editora

Depósito da L&PM Editores está inundado em Porto Alegre
Imagem: Reprodução/LinkedIn.


As enchentes que atingem o Estado do Rio Grande do Sul nas últimas semanas continuam promovendo estragos. Agora, a L&PM Editores declara que seu depósito de livros está completamente inundado.


A sede da L&PM Editores, localizada em Porto Alegre, encontra-se inoperante devido às recentes enchentes que assolaram a região. Cerca de 900 mil livros, incluindo os títulos de sua renomada coleção de bolso, foram afetados pelas águas no depósito da editora.


Em um comunicado divulgado nas redes sociais, a L&PM informou que tanto a sede quanto o depósito foram atingidos pelas enchentes e que as operações estão temporariamente suspensas até que as águas baixem.



Anteriormente, a editora já havia anunciado atrasos nas entregas devido à paralisação das rodovias, que afetou o transporte de mercadorias.


Segundo informações obtidas pelo Estadão, o depósito da L&PM está submerso em cerca de dois metros de água. O diretor, Ivan Pinheiro Machado, relatou: "Não conseguimos entregar nem vender livros porque o único acesso ao depósito é por barco". Embora o nível do alagamento tenha diminuído um pouco nesta segunda-feira, 13, ainda não é possível acessar o depósito ou os escritórios para avaliar os prejuízos.


Machado enfatizou a gravidade da situação, destacando que "no depósito estão 49 anos da história da editora, com seus aproximados 900 mil livros".



A L&PM Editores aguarda ansiosamente a normalização da situação para retomar suas atividades e avaliar os danos causados pelas enchentes.




A editora comunica que está ocorrendo atraso nas entregas por causa das chuvas e das interrupções nas rodovias do Rio Grande do Sul. Por isso, pede paciência aos seus leitores na entrega dos livros.



Força e solidariedade ao pessoal da L&PM Editores nesse momento difícil!




52 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page