top of page

Corama, artista amazonense, anuncia seu primeiro EP 'Será Que Eh Tudo Sobre Mim?'

Um mergulho saboroso pelo dream-pop, com boas melodias.

Corama, artista amazonense, anuncia seu primeiro EP 'Será Que Eh Tudo Sobre Mim?'
Crédito: Mario Hirotoshi e Clara Nogueira


Luiza Ribeiro, que adota o pseudônimo Corama, está prestes a lançar seu primeiro EP intitulado 'será que eh tudo sobre mim?' no dia 12 de abril. Este trabalho aborda temas relacionados aos sonhos, paixões e relacionamentos sob a perspectiva LGBTQIA+.


Formada em Direito, a trajetória de Corama tomou um rumo diferente após ter a oportunidade de se apresentar na SIM São Paulo em 2019, como parte do projeto FreeSom. Foi nesse momento que ela percebeu sua verdadeira vocação na expressão artística, buscando narrar suas próprias experiências e as de seus colegas. Seu projeto solo teve início ao ser contemplada pelo Edital Thiago de Mello em 2022. Desde então, lançou três singles que a destacaram na cena indie amazonense.



Ouça os singles já lançados:





O EP 'será que eh tudo sobre mim?' incorpora elementos da estética dream e bedroom pop ao longo de suas quatro faixas. Essa fusão de texturas de sintetizadores com o ritmo descontraído do indie cria uma atmosfera acessível e confessional, na qual Corama explora delicadamente sentimentos complexos.


“A primeira música nasceu no momento onde eu tinha certeza que devia parar com a música, estava cantarolando algumas coisas e com apenas três minutos surgiram as primeiras estrofes. O single fala sobre um relacionamento homoafetivo, e a forma como as personagens se sentem em relação a descoberta desse sentimento. A música retrata o empoderamento que celebra o amor entre garotas e encoraja jovens a se aceitarem”, conta Corama.



Crédito: Luiza Alencar


Após esse período, a artista retomou a composição e concentrou-se mais intensamente em sua carreira musical. Determinada a abordar suas experiências pessoais através da música, ela se comprometeu a se aceitar plenamente e, ao mesmo tempo, encorajar outros jovens a expressarem autenticamente quem são e o que sentem.




62 visualizações0 comentário

Commentaires


bottom of page