top of page

Caetano Veloso enaltece 'Maestro' de Bradley Cooper; "uma peça refinada de cinema"

 A produção, que está disponível na Netflix, recebeu diversas críticas desde seu lançamento

Caetano Veloso enaltece 'Maestro' de Bradley Cooper
Caetano Veloso (Foto: Pedro Gomes/Redferns) e Carey Mulligan e Bradley Cooper em Maestro (Foto: Jason McDonald/Netflix)



O icônico Caetano Veloso, um dos grandes músicos da nossa música brasileira, conhecido por sucessos como "dueto" e "Construção", voltou suas atenções para o mundo do cinema ao defender o filme "Maestro", dirigido e estrelado por Bradley Cooper. A produção, que está disponível na Netflix, recebeu diversas críticas desde seu lançamento, mas Veloso destacou suas qualidades em uma entrevista à Folha de S.Paulo.


Veloso elogiou a obra, que também conta com atuações de Carey Mulligan (como Felicia Montealegre), Matthew Bomer (David Oppenheim), Maya Hawke (Jamie Bernstein), Alexa Swinton (Nina Bernstein) e Sarah Silverman (Shirley Bernstein). "Achei uma peça refinada de cinema americano pós-influência europeia. A fotografia em cores é muito rica ali," afirmou. "A montagem tem um ritmo poético, musical. Os enquadramentos são de extrema elegância, e os diálogos fascinam — e vêm num regime de falas e pausas que é tocante."



Apesar de seu apreço pela obra, Veloso reconheceu a recepção negativa que o filme teve nos Estados Unidos. "O filme foi recebido com desgosto nos Estados Unidos. Todos os meus amigos inteligentes e informados com quem estive na turnê que fiz por lá recentemente falam mal do filme. Reagem à ênfase na bissexualidade do protagonista," observou o artista. Mesmo diante das críticas, Veloso manteve sua posição: "Quando eu dizia que tinha gostado, eles me olhavam com cara de gente do primeiro mundo sendo paciente com a ingenuidade de alguém que tinha vindo de um lugar atrasado como o Brasil. Mas vi 'Maestro' na televisão."





22 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page